PASCOM DIOCESANA

7º Muticom é realizado na Diocese de Petrópolis

A Pastoral da Comunicação da Diocese de Petrópolis (Pascom) promoveu no dia 17 de setembro de 2017, o seu 7º Mutirão de Comunicação, que teve como tema central “A comunicação na Igreja nos tempos atuais”, com o lema “Não tenhas medo, que estou contigo”. O encontro terminou com o anúncio do 8º Muticom, que será em setembro de 2018, no Decanato São Pedro de Alcântara, na Paróquia da Catedral.

O 7º Muticom este ano, aconteceu no Decanato São Pio X, na Paróquia Santa Teresa, em Teresópolis e reuniu cerca de 65 agentes da Pascom, representando a maioria das paróquias da Diocese. O coordenador diocesano da Pascom, Padre Alexandre Brandão ressaltou a importância deste encontro, pois são sete anos consecutivos de encontros, tendo sempre como objetivo promover a unidade da Pastoral.

Aproveitando as leituras do 24º Domingo do Tempo Comum (Ano A), celebrado no dia 17, Padre Brandão lembrou que, como está no Diretório Nacional de Comunicação, o objetivo da comunicação na Igreja é promover a Comunhão. “Um homem ou mulher com rancor, com raiva, com ódio no coração nunca vai conseguir fazer a comunicação acontecer nem dentro do seu grupo, nem na paróquia, nem na diocese. Por isso, nós que somos comunicadores, somos chamados a fazer esta comunhão, comunicação sabendo perdoar”, afirmou Padre Brandão durante a homilia.

O encontro contou com a presença de Dom Gregório Paixão (OSB), bispo da Diocese de Petrópolis, que manifestou sua alegria pelo trabalho realizado pelos agentes da Pascom, ressaltando que onde celebra sempre encontra um agente da Pascom, o que lhe dá muita alegria. Abrindo espaço para perguntas, o bispo diocesano respondeu a vários questionamentos, frisando que “vejo um crescimento muito grande na forma de comunicar da Pascom, pois deixaram de dar prioridade às fotos, para investir mais no conteúdo das matérias, sendo objetivos e anunciando o evangelho”.

O tema central do 7º Muticom foi orientado pelo coordenador regional da Pascom do Regional Leste 1 da CNBB, Adielson Agrelos. Ele procurou levar os participantes a compreender o que é comunicação eclesial, quais as referências teóricas da comunicação católica e a presença da Igreja na mídia. “Para que possamos fazer uma boa comunicação é preciso ler e os documentos da Igreja sobre comunicação estão disponíveis no site do Vaticano, basta ir lá e acessar”, frisou Adielson.

O coordenador regional destacou ainda que comunicação é relação e não é possível fazer uma boa comunicação sem estar em relação com o outro. Ele lembrou o prólogo do evangelho de São João, quando afirma que “no início era o verbo e o verbo se fez carne e habitou entre nós”. “O nosso Deus, fez morada, ele se tornou homem. Ou seja, se comunicou diretamente com a humanidade, criando uma relação, por isso ela é importante na comunicação. Não podemos fazer comunicação sem relação”.

Durante o período da tarde, como ocorre desde o primeiro Muticom, aconteceu às oficinas. Este ano foi uma sobre “Texto para redes sociais”, apresentada pelo jornalista Anderson Duarte e “Fotografia”, com o fotógrafo designer, Wladinei Gallo. Ambos são de Teresópolis e aproveitaram as experiências profissionais para orientar os agentes da Pascom sobre técnicas comunicação usando textos e fotos para comunicar o evangelho.

FONTE: http://diocesepetropolis.com.br/muticom-da-diocese-de-petropolis-reune-cerca-de-65-agentes-da-pascom.html

Sobre o autor

Alex

Alex

Setor de Comunicação do Regional NE 1; Coordenador da Comissão para Comunicação Social - CNBB Regional NE 1 e Coordenador da Pascom Paroquia Nossa Senhora das Graças.

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ARTIGOS

Dom Orani João Tempesta

Dom Orani João Tempesta

D. Orani João Tempesta, Cardeal Arcebispo do Rio de Janeiro (RJ)

REDES SOCIAIS PASCOM

Participe de nossas redes sociais: curta, comente e compartilhe com todos os agentes no Brasil !